Jogando mais loose antes do flop, por Andy Bloch

Rafael T.: Parte 1

Saber o que fazer, e quando fazer, é o que separa os jogadores normais dos que chegam a mesa final. Isso é especialmente verdade em No-Limit Hold´em, que a primeira decisão que você enfrenta é qual mão jogar e quando jogar. Assim que os blinds vão crescendo e os antes entram em jogo, essas decisões se tornam mais cruciais ainda. Nestas situações, o erro mais crítico que as pessoas cometem é não variar a estratégia pré-flop o suficiente.
Enquanto muitos jogadores prezam por jogar tight e agressivo e por escolher mãos Premium a princípio, eu vejo muitos jogadores novos levando esse conselho ao pé da letra e eles jogam muitas poucas mãos.
Eu recentemente conversei com um novo profissional que me contou que estava jogando menos que 10% das mãos dele antes do flop. Isso não é o suficiente – eu não jogo tão tight assim até mesmo no UTG. Se você está jogando tight assim, eu consideraria aumentar o seu leque de mãos jogáveis inclusive nas últimas posições e nos estágios finais de um torneio.
Deixe-me lhe dar uma idéia do que estou falando. Como estratégia geral, eu jogo 40 a 45% das minhas mãos no botão antes dos antes estarem em jogo. No UTG com oito jogadores para agirem depois de mim, eu jogarei aproximadamente 14% das mãos. Essa porcentagem aumenta gradualmente conforme minha posição na mesa muda chegando até 31% das mãos jogadas no CUT-OFF.
Quando os antes entram em jogo, eu irei aumentar aproximadamente 59% das mãos no botão. E do UTG irei aumentar apenas 18%. Com ou sem antes, é importante perceber que eu estarei aumentando 1/3 das mãos no UTG do que eu aumentaria do botão. Isso pode parecer muito, mas essa é uma variação necessária para variar seu jogo antes do flop.
Para lhe dar um exemplo específico, vamos dizer que você está no level 100/200 e você aumenta 3 big blinds do botão. Você está arriscando 600 para ganhar 300, o que não é ideal. Porém, se você fizer o mesmo aumento quando houver antes de 25 por pessoa, então o mesmo pote aumentou para 500, o que quer dizer que você ganhará 200 a mais.
Estas fichas extras fazem com que valha a pena aumentar o seu range de mão para tentar roubar os blinds, especialmente no botão e no CUT-OFF. Se você for bem sucedido nessa jogada mesmo um pouco mais da metade do tempo, você terá uma vantagem.
Você deve perceber que eu dei umas estatísticas muito específicas nesse artigo. Elas são baseadas em milhares de mãos que eu coletei durante anos e criei um sistema de ranking que me ajude a escolher quais mãos eu devo aumentar em determinadas posições. Use essa informação para melhorar sua seleção de mãos pré-flop e veja o quanto jogar mais loose pode lhe ajudar nos estágios finais de um torneio.

Parte 2

Na minha última dica, eu falei a respeito da necessidade de se jogar mais loose antes do flop, especialmente nos estágios finais do torneio. Esta semana, eu vou mostrar mais exemplos de mãos em que você pode fazer isso, jogando do UTG ou do botão e a maneira que você irá jogá-las irá lhe aproximar do dinheiro.
Para cada exemplo, eu espero que você considere que os antes estão em jogo o que torna o roubo de blinds não apenas lucrativo como também necessário para que você mantenha um stack considerável. Se você está esperando uma mão “Premium” para aumentar, isso irá deixar seu stack cada vez menor o que irá dificultar o seu torneio.
Com isso em mente, vamos dizer que eu estou no UTG. Eu irei aumentar com qualquer par, dependendo de quão agressivo meus oponentes são. Irei jogar As e uma carta do mesmo naipe até A-8 e de naipes diferentes até A-10. Eu também gosto de jogar quaisquer duas cartas do mesmo naipe de 8-9 pra cima. E cartas de naipes diferentes eu considerarei até K-J. Eu irei considerar jogar K-J e K-Q quando existem antes em jogo, entretanto K-J quando não houver antes eu dispenso.
Da mesma forma, eu irei jogar de forma mais loose quando eu estou no botão e chega em fold até mim: qualquer As, Rei ou qualquer dama com uma carta do mesmo naipe, basicamente qualquer duas cartas seguidas do mesmo naipe acima de 4. e normalmente quaisquer duas cartas acima de 8 de naipes diferentes. Isso coloca seu range em aproximadamente 59% das mãos, o que é o quanto deve ser considerado a se jogar nessa posição.
Obviamente, você precisa ajustar sua jogada de acordo com os jogadores da mesa. Se você está sentado e é visto como um jogador loose e agressivo, você deve jogar menos mãos pois as pessoas estarão inclinadas a pagar e aumentar você mais freqüentemente. Entretanto, se a mesa está tight, você está jogando tight e está no botão, big blind está jogando dessa maneira e você está na bolha, é uma ótima oportunidade para você abrir seu range e começar roubar os blinds. Principalmente se você tiver um bom stack e os jogadores estão apenas lutando para sobreviver.
Lembre-se, essa é uma estratégia básica – aproprie-a de acordo com os seus oponentes, o jogo, quem está no blind e a sua posição. O que você faz quando enfrenta um aumento pré-flop? Pense em como você deveria jogar contra esse oponente caso você pudesse ter alguma idéia das cartas dele. Se você não sabe nada sobre o seu oponente, assuma que ele está variando a estratégia de acordo com a posição dele. Jogue tight do UTG e aumente menos de 10% das suas mãos e jogue mais loose no botão, aumentando com aproximadamente metade das mãos.
Por exemplo, digamos que seu oponente aumenta do UTG e você é o próximo a agir, aumentando com A-10 de naipes diferentes. Você tem que respeitar esse aumento pois seu oponente provavelmente apenas irá aumentar um terço das mãos nessa posição que ele jogaria no botão. Não apenas isso, o resto da mesa ainda tem que agir e qualquer um desses jogadores pode ter uma grande mão que eles podem re-aumentar ou simplesmente pagar a aposta. Visto que você estará fora de posição, você vai precisar desistir dessa mão e procurar por uma chance melhor.
Se você paga com A-10 de naipe diferentes e todos desistem, você estará provavelmente em uma situação de 45% underdog contra qualquer carta que seu oponente aumentasse. Mesmo nessa situação “ideal”, você está arriscando fichas que não deveria.
Se você está no big blind com a mesma mão e alguém aumenta do UTG, essa é uma história completamente diferente. Você já colocou dinheiro no pote e você precisa analisar quem são as outras pessoas que estão na jogada. Se você está no big blind com essa mão e o oponente aumenta do botão, sua mão provavelmente é favorita, pois ele estará aumentando com qualquer mão nessa situação.
Também há alguns jogadores que não prestam atenção na mesa e jogarão suas mãos de qualquer forma independentes de como a mesa está reagindo – tenha ele um A-K ou A-J. Você deve jogar mais tight contra esses jogadores, uma vez que eles apenas jogarão com boas mãos.
Estas são apenas algumas dicas de como jogar do botão e do UTG. Use-as para saber quais mãos você deve jogar nessas situações e quais mãos você deve jogar quando seus oponentes estão nessa situação.

Fonte:

Jogando mais loose antes do flop ? Parte 1 | Universidade do Poker

Jogando mais loose antes do flop – Parte 2 | Universidade do Poker

Petrillo: Como eu gosto muito do Andy Bloch, vou dar um up neste tópico. Tanto mais, o Rafael T. merecia um “obrigado” pelo grande post!

Tanto mais um post desta qualidade! Valeu rapaz! 😀

Petrillo: Como eu gosto muito do Andy Bloch, vou dar um up neste tópico. Tanto mais, o Rafael T. merecia um “obrigado” pelo grande post!

Além da qualidade do post! Valeu rapaz! 😀

rapennas: o Rafael T. merecia um “obrigado” pelo grande post!

Tu quis dizer DOIS “obrigados” pelo grande post, né Petrillo? hehehe

Leandrinhuuu: A parte 2 eu achei muito boa, muito mesmo…:happy34:

mas a parte 1 eu nao concordo em N coisas.:spade2:

Jogar loose geralmente da trabalho, e geralmente trabalho desnecessario.

Logicamente eu sou um dos defenseroes em jogar com maos atipicas, mais fazer disso um habito, nao sei se vale a pena.

Acho bacana as coisas que o Andy block escreve e tal, mas essa mania de querer que sigam um estilo de poker ao inves criar um pra mim é tolice.

”again again i love repetitions”

prof_anselmo: saiu uma reportagem na revista flop, para torneios deep stack.. em que o profissional diz que ver flops baratos com mãos marginais é uma boa opção, uma vez que para os profissionais, eles foldam facilmente top pairs com mais facilidade do que os mais iniciantes.

Mas são torneios de 2, 3, 4, 5 dias.. e eu ainda não tive a oportunidade de jogar um desses para sentir a pressão …

Cebola: saiu uma reportagem na revista flop
eu ainda to esperando a minha…. mto foda chegar em casa

mais facil flopar royal flush do que minha flop chegar em casa na data correta ( a ultima chegou 2 meses atrasada)

Autor original: Rafael T..

Artigo anterior
Próximo artigo

Artigos Relacionados

MELHORES APLICATIVOS DE POKER

- divulgação -

Artigos Recentes

- divulgação -