Guia para Iniciantes em Cash Game – Parte I – Críticas e Sugestões

Flush: Parabéns pela iniciativa, Sarsante.

Como sugestão de temas a serem abordados, acredito que a questão da transformação em blefe de mãos com potencial de showdown mereceria um tópico à parte, já que muitos iniciantes em cash game tendem a supervalorizar mãos como JJ ou AQ, por exemplo, no pré-flop, dando 3-bets desnecessários e que só fazem foldar as mãos dos vilões que estariam dominadas no pós-flop, redundando em pouca extração de valor. Aliás, acho que o conceito sobre manter todo o range de call do vilão seria interessante, como, por exemplo, o hero com AQ IP num flop AXX. Discutir, nesse contexto, a validade de um call ou raise, mantendo ou espantando Áses menores do vilão.

Fica como sugestão.

Sarsante: Fala PDers, tudo bom?

Tive a iniciativa de criar um guia de cash game, voltado aos iniciantes. O Marcelo sugeriu que eu postasse o guia em partes para que vocês me ajudem a torná-lo mais completo.

Não é o meu objetivo abordar temas avançados, só o básico para aqueles que jogam sng ou mtt e querem migrar para o cash.

A idéia é ter um guia (não um livro) para ajudar o iniciante a bater a NL2 (não a NL50)! 😀

Após explicar o conceito do “projeto”, peço que vocês leiam e façam críticas e/ou sugestões. Vou postar o guia em partes para que não fique um tópico muito extenso e todos possam ler e opinar.

A opinião de todos é bem vinda, desde os iniciantes que são o foco desse guia assim como os mais experientes que possam me ajudar. Porque escrever sobre poker não é fácil, pois existem muitas possibilidades. Como diz Doyle Brunson, o poker é um jogo que você leva 5 minutos para aprender e uma vida inteira para dominar.

Valeu!

Parte II – Table Selection

Parte III – Hand Chart

Parte IV – Pot Odds e Draws

Sarsante: INTRODUÇÃO

Este guia foi desenvolvido para o jogador iniciante que deseja jogar cash game fullring. Não tem o propósito de explicar conceitos básicos, mas sim ajudar no desenvolvimento de um range próprio e expor algumas das jogadas que são +EV nos micro limits.

No poker existem muitas verdades, e a maior delas talvez seja que o poker não é uma ciência exata, e por isso é comum não ter somente uma resposta para a maioria das perguntas.

“Tenho AKs, devo dar call ou raise?” Depende!

E são tantas alternativas, que algumas aqui serão deixadas de lado, mas basicamente o processo mental a ser feito deve passar por alguns passos como: qual a minha posição? O que meus adversários fizeram nessa mão? Quantos adversários ainda vão falar? Qual a minha imagem? Qual a imagem dos meus adversários? Qual a stack efetiva? E ainda teríamos mais uma dezena de perguntas relevantes, sabendo que nem sempre a resposta será simples, ou única.

A modalidade abordada será fullring (FR), pois é a mais indicada para quem está iniciando. Ao contrário de 6-max, é possível selecionar melhor as mãos. Jogar com um range mais tight irá facilitar as decisões no pós-flop enquanto o jogador desenvolve as suas habilidades.

Pensei em estruturar o guia em 6 partes:

Cash Game (principais diferenças do cash game para mtt/sng)
Table Selection
Hand Chart
Pot odds e Draws
Isolando Limpers
Set Mining

I – CASH GAME

As principais diferenças do cash game em relação aos mtt’s e sng’s, são:

• Não existem diferentes estágios de blinds;

• Não existe escala de premiação;

• Pode sentar e levantar-se a qualquer hora;

Em torneios geralmente só teremos 100bbs ou mais nas fases iniciais, o mais comum é o jogo short stack entre 10 e 40bbs. Pressionado pelas blinds, muitas mãos são decididas no pré-flop ou no flop, pois não há stack para trabalhar as streets futuras. Já no cash game, o jogo é muito mais pós-flop, pois deep stacked há condições para apostar em todas as streets, dar re-raise nas apostas dos adversários e com isso abre-se um grande leque de possibilidades.

Como as blinds não sobem e é permitido fazer rebuy entre uma mão e outra, a estratégia adotada para este guia será a Big Stack Strategy (BSS), isso significa que o jogador entrará na mesa com 100 Big Blinds (bbs) e com o auto-rebuy para manter no mínimo essa stack na mesa.

Outro fator determinante é que a premiação não está relacionada em chegar à mesa final. O pagamento é instantâneo, pode-se ganhar um buy-in ou perder toda a stack em apenas uma mão. As boas e más decisões afetam diretamente o Bankroll, perdendo um pot estará perdendo parte de seu Bankroll ao invés de parte das fichas que o buy-in comprou.

Este guia sugere a adoção do estilo tight aggressive (TAG), jogando pela stack do adversário. Isso significa que o jogador deve procurar por spots +EV para colocar toda stack na mesa. Se a condição de equidade for de 51% a favor, será +EV e, portanto o jogador deve estar disposto a colocar todo dinheiro em jogo, pois será lucrativo no longo prazo.

Como é possível sentar a qualquer hora em uma mesa, é necessário ficar atento às blinds. Nunca poste as blinds OOP, pois ao fazer isso se perde dinheiro no longo prazo. Porque ao pagar as blinds o jogador terá direito a receber nove (ou dez vezes) duas cartas para jogar e isso não acontecerá se as blinds forem postadas no meio da mesa.

invictus: Parabéns pelo post vou acompanhar com certeza esse guia, deixo para os amigos mais experientes darem opiniões mais profundas quanto ao formato e aos temas abordados. vlw.

Caveira: Opa, muito bom. Além do assunto ser muito importante, o texto está muito bem escrito, numa linguagem clara e de leitura agradável.

Parabéns!

zerko: Ansioso pra ler o resto, vlw Sarsante!

bobkirst: Boa Sarsante. Não é atoa quando disse que a volta dele iria agitar o pedaço de novo !

Nice one !

Poker_Minsk: Vamo Sarsante! Vai ser um tópico que concerteza vai ajudar toda a comunidade, principalmente quem se interessa pelo cash game ;).

Teseu: Muito boa a iniciativa, vou acompanhar todos os tópicos. Vlw Sarsante, um abraço.

Marcelo: Muito bacana Sarsa.

É importante mesmo esclarecer as diferenças para torneios, pois tem muita gente que não faz esta adaptação quando muda.

Por exemplo, você com AA no dealer. UTG faz raise, MP call. Em torneios você terá uma tendência muito maior a apostar muito forte para ganhar ali o pote. Já em cash games pode ser interessante um 3-bet não tão alto, para atrair um dos dois pra briga.

Infanato: poha muito bom… estava pensando mesmo , em dar um pulinho no cash game…

muito bom…parabens.

Sarsante: Valeu pessoal, em breve posto a versão final dessa primeira parte do guia.

Abraço

andrecunhamb: muito bom cara parabéns!

SraTowers: Muito bom Sarsante!
A leitura está muito fácil e bem agradável!
parabéns pela iniciativa!

SraTowers: Acho que a moderação poderia fixar esse post do Sarsante!! é muito bom e eu demorei pra achar!!

Vini Souza: Objetivo e claro, muito bom o descritivo. Treinando entendi que é importante:

– Gameplay simples de aprender
– Taxa de ganhos padrão
– Modos de apostas flexíveis

LeoVitorGT: Mano Sarsante, não te conheço mas já te considero hehehe

Obrigado por compartilhar, vai ser de grande valia.

LeoVitorGT: Acho que a moderação poderia fixar esse post do Sarsante!! é muito bom e eu demorei pra achar!!

Concordo com a Towers, merece um lugar lá nos Master Stick ou Ficar fixado na sessão cash games. Exorciser

Autor original: Sarsante.

Artigos Relacionados

MELHORES APLICATIVOS DE POKER

- divulgação -

Artigos Recentes

- divulgação -