Ver Feed RSS

linconjaba

Meu melhor momento no Pokerstars

Avalie este Post de Blog
Sempre joguei poker por diversão. Descobri quando era adolescente, e jogava em joguinhos online, onde era tudo fictício.
A partir da maioridade, fui me aperfeiçoando, e foi aí que eu descobri o Pokerstars.
No último ano de poker que comecei a estudar pra valer, e ver que isso pode ser lucrativo a longo prazo.
Já tive muitos momentos bons jogando poker, mas o melhor deles foi ter pegado um 19º lugar em um The Hot, dentro de um field de 9000 jogadores. Isso tem pouco valor pra muitos, mas pra mim foi uma grande conquista. Tenho muito o que aprender ainda, mas já tenho uma noção bacana do jogo.
Nesse torneio consegui uma banckroll 10x maior do que eu tinha antes, e hoje me decido muito a MTT, mas também a cash games.
A pena é que esse torneio foi turbo, pois a correria as vezes fala mais que a habilidade. Mas foi um belo aprendizado, sem dúvidas.
Um outro momento muito bom, foi quando cravei o MaisEV, que é freeroll, teve um prêmio baixo, mas teve um field de 900 jogares, e com blinds de 15 minutos, pude mostrar todo o jogo que eu tinha de melhor.
Foram 7 horas de diversão e ao mesmo tempo de expectativa. Foi a partir daí que vi que o meu melhor jogo estava nos torneios demorados, e não nos turbos.
Aconselho aos que estão mais no início que se aventurem pelas torneios turbo, mas aos que tem uma noção básica e bacana do jogo, que comecem a jogar mais torneios longos, com blinds demoradas. É ali que você pode mostrar todo o seu potencial.
Uma característica que sempre tive, foi a do não depósito. Sempre quis começar do zero. Acho bacana isso, de não ter algo pronto, começar da base mesmo. Mas não acho nada ruim depositar, pelo contrário, é que nunca tive a oportunidade de fazer isso. Mas quem tem, e tenha cash pra fazer isso, ótimo. Sempre é bom um empurrãozinho no começo.
Sempre aprendemos o jogo com alguém, e foi com meu irmão que tudo começou. Ele joga a 2 anos a mais que eu, e foi ele que me apresentou o jogo, no qual me apaixonei pela primeira vez. Acabei ficando um tempo fora, mas depois que voltei, me dediquei bastante, como dito.
Antes de terminar, gostaria de compartilhar mais um momento que eu lembro bem, mas não foi jogando Pokerstars e sim o seu "irmão mais novo": Foi quando ganhei um ticket pro Main Event da MiniFtops, no qual o Pessagno, jogador do Team Pro da Pokerstars cravou e levou uma bolada (mais de $100.000). Tinham mais de 15000 jogadores, no qual pagaram $75 cada, e acabei jogando de graça, pois consegui ticket num torneio de forma muito tensa e suada. Acabei caindo antes da premiação, mas foi outro grande aprendizado.


O que eu tenho a dizer as pessoas que sonham um dia ganhar algo com o poker, é que não desistam, pois se elas estudarem e se dedicarem, elas podem ir longe. E isso vale não só ao poker, e sim a tudo que existe.

Valeu gente!

Comentários