PDA

Vizualizar Versão Completa : Dicas de trânsito, colisões, direção e blitz policial



Vadiu
20-03-2011, 15:23
Alguns tricks que aprendi para nao ser parado por um guarda

- Sempre que for passar perto de um posto policial na estrada, abra os vidros, coloque o farol baixo, e ascenda a luz de dentro do veículo. Assim ele vai te ver, o que reduz as chances de voce ser parado.

- Se mesmo assim o coxinha te parar, saia do carro. Eu já li bastante coisa sobre comportamento animal e humano e posso confirmar empiricamente que os policiais tendem a tratar voce muito melhor quando voce está fora do carro.
Primeiro porque nós tratamos o complexo "veículo+motorista" como um único ser, que é forte e representa problemas (já reparou como vc fura muito mais a fila no transito que no banco, ou trata as pessoas de maneira menos respeitosa no transito que no supermercado?)
Sair do carro funciona como um sinal de submissão. Já que o guarda está fazendo o papel de alpha no momento, e ele tem poder para isso, não adianta tentar enfrentá-lo com desculpas. Se voce assumir que estava acima da velocidade por exemplo, sem usar nenhuma desculpa pra isso, é mais provável que ele não te dê a multa do que se vc soltar as velhas falinhas de -estava atrasado, -nao estava olhando pro velocimetro, etc

Dicas adicionais by Marcelo (são só algumas coisas que eu pensei agora, baseado em experiência de vida e profissional e conversas com conhecidos da polícia)

Na blitz

1. Após a abordagem, peça autorização dos oficiais para tudo. "Posso sair do carro?" "Posso pegar minha carteira no porta-luvas?" "Posso tirar o cinto de segurança?". Os policiais que fazem trânsito são geralmente mais estressados que os outros, pois as abordagens são de risco e eles estão vulneráveis uma vez que o "vilão" está dentro de uma "fortaleza" e os policiais ao aberto.

2. Não faça NUNCA movimentos bruscos. Na agitação você faz um movimento brusco para pegar a carteira no porta-luvas: pronto! Motivo suficiente para tomar um tiro.

3. Pergunte o nome do oficial por dois motivos: para tratá-lo pelo nome e para saber caso precise depois fazer uma denúncia. Se ele não disser o nome, discretamente tente ver na farda. Todos são obrigados a ter o sobrenome na farda. Trate-o com respeito e não faça ironias. Não faça piadinhas nem tente fazer graça com o policial. Mantenha o tom de voz calmo, mesmo que vocês esteja cometendo todo tipo de infração. Você dificilmente será preso por infração de trânsito, mas experimente ofender o policial para você ver! Pense assim: "não vou fazer nada que possa piorar minha situação".

4. Nunca ofereça suborno a um policial. Já fiquei sabendo até de juiz que foi preso por isso. Tem muito corrupto na polícia, mas tem muita gente séria também. Se sentir que há abertura pode tentar um velho "pode quebrar o nosso galho ai", e se o policial claramente pedir alguma coisa, acho que pode até compensar (dependendo da razoabilidade do caso, se há algo errado com o carro, etc). Se o agente pede a propina, trata-se de crime de "extorsão", e você passa a ser a vítima. No caso contrário você é o criminoso.

5. Evite a carteirada. Policiais sérios vão tomar sua atitude como arrogância ai você se deu mal. Se quiser tentar sem muito risco, deixe sua carteira profissional ao lado da CNH e entregue como identidade. Se no seu estado a cnh pode ficar dentro de plástico, deixe a profissional dentro também do plástico. Mesmo fazendo assim, pode ser visto como arrogância, mas a chance é menor. Também não adianta tentar a carteirada se você não tem nenhum cargo especial. Se for servidor público pode colar.

6. Não fuja da polícia! Não só sua infração é pior, como você está arriscando sua vida. Na maioria das cidades a polícia não é bem treinada para abordagem de fugitivos. Não é raro morrer gente de bem que fugiu de polícia.

7. Assinar o auto de infração não significa que você admitiu a culpa. Pode assinar sem problemas. Ao tentar reverter a multa depois procure por erros no auto de infração, não use modelos de recurso e seja respeitoso com o julgador. Não escreva com arrogância. Para você ter uma ideia, o melhor seria começar um recurso neste estilo: "Venho mui respeitosamente solicitar reavaliação do referido auto de infração..." (Dicas adicionais da SraTowers)
Direção defensiva

1. Não mude de pista bruscamente. Você ganha pouco tempo ao fazer isso, e o dia que pegar uma moto no caminho sua vida pode mudar bastante (para pior é claro). Ligue a seta e faça uma mudança num ângulo bem aberto. Ao colocar a ponta do carro na outra pista provavelmente o espaço já será seu, não precisa dar uma de dublê do cinema. Obviamente, se a outra pista estiver rápida e a sua lenta, espere um espaço razoável para manobrar.

De tudo que eu aprendi em 15 anos de direção veícular, o principal foi mudar de pista de forma segura. Quando eu era mais novo parecia ultrapassagem de fórmula 1. btw, é a forma mais comum de acidente carro-motocicleta.

2. Aprenda a identificar os motoristas-problema e mantenha distância. Exemplos: aquele que vai a quase zero ao fazer uma curva; aquele que anda a 20km/h numa via de 60+; aquele muito idoso (visão, reflexos prejudicados na sua maioria); aquele que dirige como se estivesse numa prova de stock-car.

3. Mantenha distância de segurança do veículo da frente (o macete é ser possível ver as rodas traseiras).

4. Aprenda a ter visão global da situação: retrovisão, visão das laterais, visão imediatamente à frente e visão a média distância. Eu já evitei ficar preso no trânsito muitas vezes por ver lá na frente um vilão reduzindo para fazer baliza ou para pegar passageiro, por exemplo.

5. Reduza a velocidade e se possível buzine ao passar um veículo grande parado (principalmente ônibus). É muito comum o pedestre atravessar ao lado de ônibus parado, e tanto ele como você não terão tempo de desviar.

6. Mantenha distância de táxis se possível. Dois motivos principais: 1. Eles, em geral, são mais agressivos no trânsito. 2. Se você for o culpado por um acidente com eles, prepare-se para pagar não só o conserto do carro mas também os "lucros cessantes" - tradução: o salário dele nos dias que ficar parado (internado ou carro consertando).

7. Cuidado com os ônibus. Junte alguns motoristas estressados com uma máquina que pesa toneladas e você forma uma máquina mortífera. Acidentes com ônibus mesmo a baixas velocidades podem ser graves.
Estacionamento

1. Evite estacionar atrás e ao lado de veículos grandes, ou atrás de veículo com a "bolinha dos infernos" (prendedor de carroceria traseira). Se sua vaga é apertada e o veículo da frente tem sensor de estacionamento, deixe um pouco mais de espaço atrás do que na sua frente. Feche o retrovisor do lado da pista, para evitar colisões enquanto o carro estiver parado (é comum motociclista quebrar retrovisor no seu caminho).

2. Evite estacionar em locais ermos e escuros, sem movimentação. Parece óbvio, mas tem gente que prefere pagar 5 reais ao "flanelinha" do que 7 reais ao manobrista. Acho até 10 reais um valor razoável para manobristas oficiais. Uma dica especial: se tem manobrista próprio ou terceirizado no estabelecimento, seu carro está segurado, independente do que eles falarem para você ou de qualquer plaquinha dizendo que não garantem nada, etc. Se seu carro for roubado ou danificado você consegue fácil na justiça a reparação. Se for só risco ou batida pequena aí é mais difícil de comprovar.

3. Ao voltar para o carro, tenha uma visão geral da área antes de chegar no veículo. Se estiver escuro, passe pelo seu veículo primeiro e depois volte se estiver seguro. Não tire a chave do bolso até o último momento. Caso existam pessoas muito suspeitas próximas ao seu carro, mude de plano, volte e espere.
Colisões

1. Batidas simples: é proibido reter o trânsito por batida se não houver vítimas. Se foi batida simples, estacione o carro. Controle seu ódio ao máximo possível. Caso a culpa tenha sido sua, desde de já assuma o erro e diga que vai pagar, peça desculpas e espere que o outro esteja zangado. Geralmente em poucos minutos a situação se acalma. Se o vilão partir para a violência ou se tiver arma, apele para seus instintos mais pacíficos, diga que sua mãe está doente, ou que você foi demitido, acabou de saber que tomou chifre, algo assim. Só vá para o conflito físico como última hipótese. Se o vilão for estilo lutador de Jiu Jitsu correr pode ser necessário LOL.

Se estiver com celular com câmera, fotografe ambos os carros - não esqueça da placa. Caso o outro seja o culpado, pegue a placa, fotografe a CNH do vilão. Se ele estiver claramente bêbado, tente usar o gravador do celular sem despertar suspeitas.

2. Batidas com vítima: ai a história muda. Não se deve mover os carros. Você não pode nem pensar em fugir. Não mova a vítima. Se há sangramento de grande volume e em alta velocidade, tente fazer pressão no local com uma camisa ou toalha. Chame imediatamente o resgate.

Se for motociclista a vítima, o ideal é chamar o resgate 100% das vezes. A única hipótese em que se poderia dispensar é se ele sai andando normalmente sem nem estar mancando. Se bateu a cabeça, independente do estado dele chame o resgate. Façam sempre boletim de ocorrência se houve vítima, pois os motociclistas já sabem muito bem que se precisarem de qualquer consulta, internação ou tratamento poderão acionar vocês por omissão de socorro e quem sabe adicionar uns danos morais no meio. Isso tem se tornado comum.

Inoxidavel
20-03-2011, 15:30
Eu tenho uma trick melhor, não faça nada de errado, assim se ele te parar vai te liberar em 1 minuto.

Vadiu
20-03-2011, 16:10
Eu tenho uma trick melhor, não faça nada de errado, assim se ele te parar vai te liberar em 1 minuto.

ah sempre tem aquele extintor vencido, lanterna queimada...

eu pelo menos, sempre que sou parado levo multa (ou perco cinquentinha, embora ultimamente tenho me negado a pagar propina)

Tex Wilde
20-03-2011, 21:28
ah sempre tem aquele extintor vencido, lanterna queimada...

eu pelo menos, sempre que sou parado levo multa (ou perco cinquentinha, embora ultimamente tenho me negado a pagar propina)

Eu até hoje só fui parado pela polícia 2 vezes!

Porém nas 2 fui guinchado...

Sério, já to com trauma disso, to sempre andando com a corda no pescoço. No momento to com 17 pontos...

Mas não é que eu faça coisas perigosas, os policiais daqui pegaram implicância comigo. Sei disso porque já ouvi comentarem. E tem uns 2 de menos de 25 anos que abusam da autoridade. Eu tava falando com umas gurias esses dias e elas me contaram que tavam dando banda no centro, num sábado de noite, e esses policiais pararam elas. Porém não pediram nem documentos, disseram que só queriam conversar com elas. E ainda pediram um gola da cerveja que as 2 tavam tomando... Foram esses que me pegaram.

Na 1ª vez eu dei uma leve cantadinha de pneu numa esquina (bem pouco mesmo), me perseguiram, apontaram a arma pra minha cabeça, me xingaram de tudo que foi coisa, estacionei, me botaram na parede e me revistaram. Se tem cabimento isso!? Daí prepararam a multa de "direção perigosa" e chamaram o guincho. Me neguei a assinar a multa e me deram outra por "desobedecer autoridade".

Na 2ª vez, eu desviei um quebra-mola pela contramão, a uns 50Km/h, numa rua longe do centro as 3:00 da madrugada. O lugar tava deserto. Detalhe que de noite mais de 50% dos carros desviam esse quebra-mola, já que só tem em um lado da pista.

Bom, eles viram, me pararam, me botaram na parede e me revistaram denovo, me xingando. Chamaram o guincho, e me deram 3 multas: manobra perigosa, dirigir na contramão e estar sem cinto de segurança.

E dessa vez eu ainda tava com o cinto. Eu sempre ando com o cinto... Mas não adinatou, tentei recorrer mas não adiantou. Passo me cuidando agora.

Vadiu
20-03-2011, 22:04
caraca isso sim é beat... pior q ser assaltado... eu já perdi minha carta 2x e atualmente to sem carta, normalmente consigo levar os coxa na conversa mesmo... a maioria das multas sao por camera

Inoxidavel
20-03-2011, 22:34
Tex, isso só se resolve se você, e todo o mundo que sofrer esse abuso, abrirem BO. Eles podem te parar por causa da sua cantada de pneu? Podem, agora, SE você colaborou e parou imediatamente, a ação policial foi desproporcional, e cabe a você prestar queixa.

Quanto a multa de direção perigosa, é algo subjetivo, mas está previsto no Código de Trânsito Brasileiro, e a pena é suspensão do direito de dirigir, além da apreensão do veículo. Cabe sim recurso, em todas as infrações que você descreveu, e a maioria seria aceita sem problemas, não sei o que aconteceu para você não conseguir.

O que você pode fazer, esquecer esse "todo o mundo faz" então eu posso. Invadir a contra-mão pra desviar de quebra-mola é o fim. Vai economizar 5 segundos, com risco de sofrer tudo que você sofreu. Parar de cantar pneu, dirigir com mais calma.

Quanto a assinar a multa, aí não tenho certeza, melhor consultar um advogado. Suspeito que eles não podem te obrigar a assinar uma multa (ou qualquer coisa), muito menos alegar desacato. Porém sua assinatura é apenas para declarar estar ciente da multa, não há motivo para se recusar a assinar. Enfim, não sei.

Vadiu
20-03-2011, 22:38
se vc assina a multa fica muito mais dificil entrar com recurso depois...

Tex Wilde
20-03-2011, 23:10
Tex, isso só se resolve se você, e todo o mundo que sofrer esse abuso, abrirem BO. Eles podem te parar por causa da sua cantada de pneu? Podem, agora, SE você colaborou e parou imediatamente, a ação policial foi desproporcional, e cabe a você prestar queixa.

Poisé, um amigo meu que tava parado ali perto me contou depois, que os policiais pegaram os papéis e escreveram algo, pra só depois embarcarem na viatura e me perseguir. Como eu tava devagar, eles me acharam, só que a umas 10 quadras do local da multa. Daí botaram como se eu tivesse fugindo todo esse percurso. Se eu tivesse visto eles quando cantei pneu teria dobrado em alguma rua pra despistar. Mas só vi quando me pararam.


Quanto a multa de direção perigosa, é algo subjetivo, mas está previsto no Código de Trânsito Brasileiro, e a pena é suspensão do direito de dirigir, além da apreensão do veículo. Cabe sim recurso, em todas as infrações que você descreveu, e a maioria seria aceita sem problemas, não sei o que aconteceu para você não conseguir.
Poisé, naquela de "dirigir na contra mão em pista de duplo sentido" o endereço da multa eles colocaram numa rua de sentido único!
Essa eu tinha quase certeza que anularia, tirei fotos do local provando que seria impossível receber essa multa nesse local. Mas mesmo assim indeferiram meu recorrimento.


O que você pode fazer, esquecer esse "todo o mundo faz" então eu posso. Invadir a contra-mão pra desviar de quebra-mola é o fim. Vai economizar 5 segundos, com risco de sofrer tudo que você sofreu. Parar de cantar pneu, dirigir com mais calma.
Quanto mais em centro urbanizado mais se anda dentro da lei. Quanto mais de interior for a cidade, menos o pessoal respeita.
Numa cidade aqui perto, de uns 10k habitantes, ninguém usa cinto de segurança (nem a polícia), e raramente alguém liga o pisca nas esquinas. Por quê? porque não precisa, e o pessoal tem bom senso disso.

Na minha cidade, ningém pára nas placas de "pare", apenas reduzem a velocidade e olham pros 2 lados, se não vem ninguém, é só passar. Não tem porque cumprir a lei e parar. E convenhamos, na grande maioria dos lugares é assim, os policiais não dão bola pra isso, porque também acham um absurdo ter que seguir tão a risca o código de trânsito. Tive o azar que foram esses caras que abusam de autoridade que me pegaram. Tomara que já tenham sido afastados da Brigada Militar.


Quanto a assinar a multa, aí não tenho certeza, melhor consultar um advogado. Suspeito que eles não podem te obrigar a assinar uma multa (ou qualquer coisa), muito menos alegar desacato. Porém sua assinatura é apenas para declarar estar ciente da multa, não há motivo para se recusar a assinar. Enfim, não sei.
Justamente por isso que não assinei. Não concordava com as autuações, e principalmente com o guinchamento.


Ah, e realmente, me falhou na memória fazer o BO. Mas eu não sabia nem quem eles eram, eles não respondiam nenhuma das minhas perguntas. Ficavam fingindo que não me ouviam, como se eu não estivesse falando com eles.

Um deles, em outra ocasião, deu um soco no estômago de um amigo meu, que vinha de bicicleta e não parou no semáfaro. Meu amigo perguntou várias vezes o nome dele, mas o cara não falou. Meu amigo foi pro comando da brigada militar fazer a denúncia, mas não sabia quem denunciar, daí ficou por isso mesmo também.

Mas acho que eles foram afastados da corporação mesmo, faz tempinho que não escuto história deles.

Marcelo
21-03-2011, 00:09
Adicionei várias dicas no post inicial.

Marcelo
21-03-2011, 00:16
Poisé, um amigo meu que tava parado ali perto me contou depois, que os policiais pegaram os papéis e escreveram algo, pra só depois embarcarem na viatura e me perseguir. Como eu tava devagar, eles me acharam, só que a umas 10 quadras do local da multa. Daí botaram como se eu tivesse fugindo todo esse percurso. Se eu tivesse visto eles quando cantei pneu teria dobrado em alguma rua pra despistar. Mas só vi quando me pararam.

Poisé, naquela de "dirigir na contra mão em pista de duplo sentido" o endereço da multa eles colocaram numa rua de sentido único!
Essa eu tinha quase certeza que anularia, tirei fotos do local provando que seria impossível receber essa multa nesse local. Mas mesmo assim indeferiram meu recorrimento.

Absurdo! Você poderia recorrer para o Denatran, mas na prática perde menos tempo pagando a multa.


Quanto mais em centro urbanizado mais se anda dentro da lei. Quanto mais de interior for a cidade, menos o pessoal respeita.
Numa cidade aqui perto, de uns 10k habitantes, ninguém usa cinto de segurança (nem a polícia), e raramente alguém liga o pisca nas esquinas. Por quê? porque não precisa, e o pessoal tem bom senso disso.

Na minha cidade, ningém pára nas placas de "pare", apenas reduzem a velocidade e olham pros 2 lados, se não vem ninguém, é só passar. Não tem porque cumprir a lei e parar. E convenhamos, na grande maioria dos lugares é assim, os policiais não dão bola pra isso, porque também acham um absurdo ter que seguir tão a risca o código de trânsito. Tive o azar que foram esses caras que abusam de autoridade que me pegaram. Tomara que já tenham sido afastados da Brigada Militar.


Não use cinto por causa da lei. Use pelo melhor motivo: prevenção de lesões.


Justamente por isso que não assinei. Não concordava com as autuações, e principalmente com o guinchamento.


Pode assinar o auto de infração sem problemas, não quer dizer que assume a culpa. Só é para confirmar sua ciência do fato. Arrogância nesta hora pode até ser pior para você. Por exemplo: o avaliador do recurso lê lá: "recusou-se a assinar o auto de infração" e já pode começar o recurso com má vontade. (editado após dica da SraTowers)


Ah, e realmente, me falhou na memória fazer o BO. Mas eu não sabia nem quem eles eram, eles não respondiam nenhuma das minhas perguntas. Ficavam fingindo que não me ouviam, como se eu não estivesse falando com eles.

Um deles, em outra ocasião, deu um soco no estômago de um amigo meu, que vinha de bicicleta e não parou no semáfaro. Meu amigo perguntou várias vezes o nome dele, mas o cara não falou. Meu amigo foi pro comando da brigada militar fazer a denúncia, mas não sabia quem denunciar, daí ficou por isso mesmo também.

Mas acho que eles foram afastados da corporação mesmo, faz tempinho que não escuto história deles.

Discretamente tente ver na farda do policial o sobrenome. Acho que é obrigatório. Não olhe de forma acintosa nem fique repetindo o nome dele de forma irônica.

Se ele não disse o nome sinal que é mal caráter mesmo. Funcionário público é obrigado a dizer o nome quando perguntado pelo cidadão. Se ele está fazendo tudo certo não teria que temer nada.

china
21-03-2011, 00:24
Se vc e sua mulher sairam e ambos tomaram uns birinights e estão de carro, na volta sempre deixe ela dirigir. Ao passar numa blitz, os tiras não vão te parar pq vão pensar que como vc bebeu, deixou sua acompanhante dirigir em seu lugar pois obviamente, ela está sobria. Second level thinking my friends, eheheh.

Tex Wilde
21-03-2011, 00:52
Essa foi ótima china!

Vadiu
21-03-2011, 01:12
prefiro ser preso que deixar minha mina dirigir bebada... é insta morte na certa

Inoxidavel
21-03-2011, 01:30
Cara, na dúvida use a melhor, mais antiga, e infalível estratégia. Apele para seu "parente" juiz, na dúvida os caras vão recuar na hora.

Vadiu
21-03-2011, 01:36
qdo tiver um bloqueio na estrada, a pista do bloqueio tende a andar mais ou a pista livre anda mais?

//i43.tinypic.com/2qdpje8.jpg

Marcelo
21-03-2011, 01:38
Cara, na dúvida use a melhor, mais antiga, e infalível estratégia. Apele para seu "parente" juiz, na dúvida os caras vão recuar na hora.

Não recomendo tentar ludibriar o policial. Na pratica mesmo que seja verdade o juiz não pode fazer nada contra o policial.

Vadiu
21-03-2011, 01:46
Dica: se for andar de carro numa areia muito fofa (essas q com ctza vai encalhar) pegue uma caneta e tire um pko de ar dos 4 pneus (nao tudo, uns 30%)... assim aumenta a área da superficie de contato e consegue passar pela areia fofa.

Infanato
21-03-2011, 03:57
Eu tenho uma trick melhor, não faça nada de errado, assim se ele te parar vai te liberar em 1 minuto.

this...

eu ja fiz muitas blitz e tbm ja cai em muitas, se vc está errado matenha o respeito... no meu caso as blitz eram só de busca e apreensão...

trate o agente de transito ou o policial como autoridade que ele é, que nada vai dar errado... geralmente agente de transito é muito caxias, uma coisinha simples ele ja multa, agora policia é mais tranquila, ainda mais se vc não tiver cara de supeito ou agir como suspeito... submissão é bom, mas nunca mostre medo... sempre mostre que vc conhece seus direitos e, é culto, para evitar possiveis abusos...


mas o melhor bizú quem deu foi o inoxidavel... =D

SraTowers
21-03-2011, 10:51
se vc assina a multa fica muito mais dificil entrar com recurso depois...

Vadiu, isso não tem nada a ver... A assinatura no auto de infração é apenas a confirmação o recebimento de uma das vias do documento e o início do prazo para apresentação da Defesa Prévia. Em nada lhe prejudica na confecção dos recursos ou constitui admissão de culpa.

Quanto a como fazer o recurso, evite "bater de frente" com o agente, dizendo que estava ou não estava, que fez ou deixou de fazer, que passou no semáforo no amarelo, que a faixa não era contínua, etc. Evite essas desculpinhas, pense que se vocês estivesse julgando iria indeferir. Atitudes de manobras defensivas não são bem vistas pelos julgadores.

Em se tratando de recursos de multa, o certo é procurar por prováveis erros de preenchimento do auto de infração e basear sua defesa nisso, uma vez que desta forma a defesa ficará muito mais sustentável.

Não existe recurso "infalível". Tome muito (mas muito) cuidado com "modelos" e recursos gerados por "programinhas" de computador. Tenha em mente que os recursos devem ser personalizados e que é preciso saber o que está fazendo para elaborá-lo com uma base sustentável para que seja deferido.

Você vai ter que pesquisar na legislação sobre sua infração. Funciona assim: se exigem que você cumpra a legislação de trânsito, os julgadores também tem que cumprir a legislação que cuida do processo administrativo referente ao assunto.

Hoje trabalho com o cadastramento das multas e com os recursos que chegam por aqui... tem cada recurso que merecia ser transcrito pra as futuras gerações... kkk

__________________________________________________ ___________________
Já fui Policial , (vulgo coxinha...) e nunca entendi bem o porque de tanta agressividade nos codutores que são parados, normalmente só iria ser visto a cnh e o licenciamento, mas ai o "jumento" vai ficar retrucando e ai sim se olha até a data do extintor...

Já sobre os policiais corruptos me recuso a comentar sobre esses calhordas que sujam o nome de uma corporação inteira, valeu!! :happy34:

Marcelo
21-03-2011, 12:59
Se vc e sua mulher sairam e ambos tomaram uns birinights e estão de carro, na volta sempre deixe ela dirigir. Ao passar numa blitz, os tiras não vão te parar pq vão pensar que como vc bebeu, deixou sua acompanhante dirigir em seu lugar pois obviamente, ela está sobria. Second level thinking my friends, eheheh.

Num ponto faz sentido: mulheres são bem menos paradas em blitz.

Em compensação, se sua mulher pesa menos que você e bebeu tanto quanto você, a chance dela estar mais afetada pelo álcool é maior. Vale o risco?

Marcelo
21-03-2011, 13:03
Vadiu, isso não tem nada a ver... A assinatura no auto de infração é apenas a confirmação o recebimento de uma das vias do documento e o início do prazo para apresentação da Defesa Prévia. Em nada lhe prejudica na confecção dos recursos ou constitui admissão de culpa.

Quanto a como fazer o recurso, evite "bater de frente" com o agente, dizendo que estava ou não estava, que fez ou deixou de fazer, que passou no semáforo no amarelo, que a faixa não era contínua, etc. Evite essas desculpinhas, pense que se vocês estivesse julgando iria indeferir. Atitudes de manobras defensivas não são bem vistas pelos julgadores.

Em se tratando de recursos de multa, o certo é procurar por prováveis erros de preenchimento do auto de infração e basear sua defesa nisso, uma vez que desta forma a defesa ficará muito mais sustentável.

Não existe recurso "infalível". Tome muito (mas muito) cuidado com "modelos" e recursos gerados por "programinhas" de computador. Tenha em mente que os recursos devem ser personalizados e que é preciso saber o que está fazendo para elaborá-lo com uma base sustentável para que seja deferido.

Você vai ter que pesquisar na legislação sobre sua infração. Funciona assim: se exigem que você cumpra a legislação de trânsito, os julgadores também tem que cumprir a legislação que cuida do processo administrativo referente ao assunto.

Hoje trabalho com o cadastramento das multas e com os recursos que chegam por aqui... tem cada recurso que merecia ser transcrito pra as futuras gerações... kkk

__________________________________________________ ___________________
Já fui Policial , (vulgo coxinha...) e nunca entendi bem o porque de tanta agressividade nos codutores que são parados, normalmente só iria ser visto a cnh e o licenciamento, mas ai o "jumento" vai ficar retrucando e ai sim se olha até a data do extintor...

Já sobre os policiais corruptos me recuso a comentar sobre esses calhordas que sujam o nome de uma corporação inteira, valeu!! :happy34:

Fantásticas dicas. Já adicionei uma delas ao post inicial.

Inoxidavel
21-03-2011, 13:48
Não recomendo tentar ludibriar o policial. Na pratica mesmo que seja verdade o juiz não pode fazer nada contra o policial.

Na prática funciona. Especialmente se o policial estiver fazendo algo errado.

E nada como ter uma opinião mais embasada de quem entende do assunto. Valeu, SraTowers.

E Infanato, de onde você conhece "bizu"? Não conheço ninguém fora da minha faculdade que fale isso.

Tex Wilde
21-03-2011, 15:11
qdo tiver um bloqueio na estrada, a pista do bloqueio tende a andar mais ou a pista livre anda mais?

//i43.tinypic.com/2qdpje8.jpg
Quem tá na pista livre tem preferência, então os da pista bloqueada que reduzam a velocidade esperando o momento certo pra trocar de pista.

Dica: se for andar de carro numa areia muito fofa (essas q com ctza vai encalhar) pegue uma caneta e tire um pko de ar dos 4 pneus (nao tudo, uns 30%)... assim aumenta a área da superficie de contato e consegue passar pela areia fofa.
...ou encha de peso.

Outra dica que pode evitar muitos acidentes:

No barro ou em estradas arenosas, evite freiar meio forte, pois o pneu arrastará muito fácil e você não conseguirá fazer curvas. Lembre-se que o atrito estático é maior que o atrito dinâmico.

Em pistas assim, se estiver em veículos com tração traseira, ao invés de freiar, reduza uma marcha, isso evita derrapar as rodas dianteiras e te tirar da estrada.


Num ponto faz sentido: mulheres são bem menos paradas em blitz.

Em compensação, se sua mulher pesa menos que você e bebeu tanto quanto você, a chance dela estar mais afetada pelo álcool é maior. Vale o risco?
Isso só vale se ela não beber muito, num ponto que a aparência ainda seja de sóbria. E óbvio, tem que ser boa motorista.

Eu, quanto mais bêbado, mais "dentro da lei" dirijo (fora o fato de ter bebido), é incrível a quantia que me cuido. Até quando to na preferencial redudo a velocidade nas esquinas, porque numa sexta ou sábado de madrugada sempre tem aquele loco que invade a preferencial a 100Km/h.

SraTowers
21-03-2011, 15:17
Muitas pessoas não sabem, mas toda viatura quando sai do batalhão tem um controle de horário, o KM de saída e chegada, assim como a hora e todos os integrantes de tropa que vão fazer uso desta viatura. Se você for insultado, coagido a pagar propina ou ter por parte dos policiais falta de respeito e o fanfarrão se negar a falar o nome olhe o nº da viatura...

vamos aos exemplos:

I - 220904
M - 250201

As iniciais I e M são respectivamente INTERIOR ou METROPOLITANA ou seja, viaturas da capital terão início com M e o restante do interior do estado com I

Os dois primeiros números é o nº do Batalhão que o policial pertence no caso 22º Batalhão do Interior e 25º Batalhão Metropolitano

Os próximos dois números é a Companhia (CIA PM) que o policial pertence, que são as pequenas sedes da PM que cuidam cada um de uma região, se for 09 é policial pertencente à Força Tática (os que usam boinas e braceletes... e em 97% dos casos não fazem blitz, a não ser que estejam em busca)

E, por fim, os dois últimos é o número da viatura... sendo assim:

I - 220904 // Viatura do 22º Batalhão da Polícia Militar do Interior, força Tática, Viatura nº 04
M - 250201 // Viatura do 25º Batalhão de Polícia Militar Metropolitana, 2º Companhia, Viatura nº 01

Com isso o Bin Laden pode estar escondido na Viatura que vai estar registrado... lembrando que esses números que usei são fictícios, mas que a numeração das viaturas são padrão...

Se não souber o nome do policial e quiser prestar queixa faça por requerimento ao batalhão um pedido para saber quem estava conduzindo a viatura nº xxx no dia e horário (horário aproximado).

Quando eu aprendi isso toda a viatura que eu via ficava "lendo" de onde era... hoje nem preciso mais ficar pensando muito, é automático ... espero que a dica ajude!! :happy34:

Tex Wilde
21-03-2011, 15:41
E aqui no RS, que tem a Brigada Militar, essa identificação é a mesma?

Vadiu
21-03-2011, 15:42
tópico rendendo!

SraTowers
21-03-2011, 16:48
E aqui no RS, que tem a Brigada Militar, essa identificação é a mesma?

eu não vou saber te responder isso com certeza Tex, mas todas as viaturas tem uma numeração que é controlada, a Brigada Militar é a escola de oficiais e praças da Polícia Militar ai no RS. Infelizmente não consegui encontrar uma resposta certa, liguei pra um soldado amigo meu e ele também não soube me dizer, por isso não posso te afirmar com certeza, mas esse é um padrão militar para identificação de veículos, até mesmo no exército. Quando tiver oportunidade de observar o nº da viatura me passa o nº, se não for a mesma coisa eu tento ver por aqui com uns amigos meus e te falo depois!

Cebola
21-03-2011, 20:05
eu ainda to com a permissao pra dirigir, se eu peidar dentro do carro eu perco a carteira ¬¬'

Marcelo
22-03-2011, 00:53
Se tiver falta grave começa tudo de novo.

O problema que o critério de grave para o Detran é meio maluco.

Exemplo de falta grave:
"Dirigir com farol desregulado, atrapalhando outros motoristas."

wtf?

Então evite dirigir durante este período, especialmente em situações de risco, locais desconhecidos, vias rápidas, etc.


eu ainda to com a permissao pra dirigir, se eu peidar dentro do carro eu perco a carteira ¬¬'

Vadiu
22-03-2011, 02:45
//i43.tinypic.com/2qdpje8.jpg
Quem tá na pista livre tem preferência, então os da pista bloqueada que reduzam a velocidade esperando o momento certo pra trocar de pista.

Sim isso seria o óbvio. Mas o que realmente acontece, como no exemplo, é que existe esse acordo implicito de um-um que quase todo mundo segue. Como alguns carros vao entrar antes de chegar no bloqueio, eu entendo que seja +ev ficar na pista do bloqueio, pois essa andará mais.

Exceção para quando o bloqueio acabou de acontecer (sensu um carro quebrou), e a pista livre continua rápida. Nesse caso o melhor é ir o mais prontamente possivel para a pista livre, e voltar para a frente do bloqueio assim que der.

Cebola
22-03-2011, 12:05
Se tiver falta grave começa tudo de novo.

O problema que o critério de grave para o Detran é meio maluco.

Exemplo de falta grave:
"Dirigir com farol desregulado, atrapalhando outros motoristas."

wtf?

Então evite dirigir durante este período, especialmente em situações de risco, locais desconhecidos, vias rápidas, etc.

eu to andando com bastante cuidado, atençao e etc, ate outubro (que é qdo chega a cnh oficial)
mas to de boa, ja sabia dirigir antes, entao nao sou nenhum maniac no volante :D

Tex Wilde
22-03-2011, 14:14
eu to andando com bastante cuidado, atençao e etc, ate outubro (que é qdo chega a cnh oficial)
mas to de boa, ja sabia dirigir antes, entao nao sou nenhum maniac no volante :D
Aprender dirigir antes dos 18 ajuda muito mesmo. A facilidade que a gente tem depois de tirar cnh é muito maior do que tem aqueles que aprendem dirigir na autp-escola.

Vadiu
22-03-2011, 14:41
Eu fiz uma malandragem pra discolar a carta. O professor lá, treinador, nao sei como chama... ficava pondo terror dizendo que nao ia conseguir shipa a carta, que era muito dificil, que ninguem conseguia de primeira e tal. Eu sempre respondia nem sim nem não... falava po quem sabe, talvez role, pode ser e essas coisas... então o cara ficou total na duvida se eu ia querer shipar a carta.

Enfim, no dia do exame ele foi conversar lá com o delegado e demos apenas uma volta no quarteirão... mas em momento algum eu disse que queria comprar a carta.

Daí eles me passaram, eu falei obrigado e fomos embora.

o que eles iam fazer? me processar pq eu fui facilitado pra passar mas nao paguei propina? ficou uma situação bem delicada... eles ficaram se entreolhando...

Pra arrematar, o professor me ofereceu uma carona pra minha casa, achando que eu ia pagar eles nessa viagem... e eu já fui gelando achando que ele ia me ameaçar, matar sei la.... dae na viagem toda ele fez varias indiretas... tipo: - ah preciso comprar um amendoim pro delegado, etc... no final eu fiquei me esquivando e ele me deixou em casa, nunca mais nos vimos e shipei minha carta "sem esforço"

SraTowers
22-03-2011, 16:04
Pra arrematar, o professor me ofereceu uma carona pra minha casa, achando que eu ia pagar eles nessa viagem... e eu já fui gelando achando que ele ia me ameaçar, matar sei la.... dae na viagem toda ele fez varias indiretas... tipo: - ah preciso comprar um amendoim pro delegado, etc... no final eu fiquei me esquivando e ele me deixou em casa, nunca mais nos vimos e shipei minha carta "sem esforço"

Policial Corrupto, Instrutor folgado, Delega sem vergonha ...
Caraca Vadiu, você tem um mega azar com esses estelionatários hein!! kkk

Tex Wilde
22-03-2011, 16:23
Policial Corrupto, Instrutor folgado, Delega sem vergonha ...
Caraca Vadiu, você tem um mega azar com esses estelionatários hein!! kkk
Os caras queriam se dar bem porém dessa vez foi o Vadiu que saiu em vantagem!

Vadiu
22-03-2011, 16:54
Policial Corrupto, Instrutor folgado, Delega sem vergonha ...
Caraca Vadiu, você tem um mega azar com esses estelionatários hein!! kkk

Azar? achei q fosse o defaut

RodBarreto
22-03-2011, 16:58
Azar? achei q fosse o defaut

HAUHuahuHUAHuhauhUHAUHha!

Dá pra pensar isso mesmo!

Marcelo
22-03-2011, 19:13
Felizmente esta situação tem mudado.

Isto é mais comum em estados que pagam mal seus servidores, e principalmente os mais antigos na praça.

Além disso, hoje se você denunciar corrupção a chance é bem razoável de um cara desses se dar mal.


Azar? achei q fosse o defaut

Cebola
23-03-2011, 17:19
aqui foi mto de boa, o instrutor só falava o caminho e no final falou "ta aprovado, parabens"

mas o cara era gente boa, meu celular tocou na hora que eu tava dirigindo e o cara começou a rir :D
mas tem um perito la que é meio cuzao, fica tirando quem nao consegue, zoando etc... sorte que eu cai com o gente boa, senao ia dar merda

SraTowers
23-03-2011, 19:43
Azar? achei q fosse o defaut

Como vc mesmo disse vc preferiu a malandragem do que fazer o que era correto e passar no exame por mérito seu... se vc se negar a pagar propina e denunciar eles SERÃO mandados embora (desde que vc continue com a queixa) e antes de mais nada, se vc não sair cantando pneu ninguem vai querer te multar... agora antes de falar que todos são corruptos por favor, pense bem...

Não é todo policial que é corrupto...
Não é todo servidor público que é vagabundo...
assim como não é todo jogador de poker que é viciado e perde casa, carro e família.

Ok? E só pra garantir... caso você diga qe não conhece nenhum honesto, eu fui policial e nunca recebi propina, não precisei disso, e por MEUS méritos passei em um outro concurso que me remunera melhor e corro menos riscos. Sou servidora pública e não tenho necessidade de ficar me encostando em ninguém. Se precisar de alguma informação que seja útil a todos e eu souber informar estarei aqui, mas se no entanto se preferir continuar com esse pensamento escreva o que quiser somente referente a esses calhordas que citei que você se envolveu, não faça generalizações.

Henritins
23-03-2011, 20:07
Como vc mesmo disse vc preferiu a malandragem do que fazer o que era correto e passar no exame por mérito seu... se vc se negar a pagar propina e denunciar eles SERÃO mandados embora (desde que vc continue com a queixa) e antes de mais nada, se vc não sair cantando pneu ninguem vai querer te multar... agora antes de falar que todos são corruptos por favor, pense bem...

Não é todo policial que é corrupto...
Não é todo servidor público que é vagabundo...
assim como não é todo jogador de poker que é viciado e perde casa, carro e família.

Ok? E só pra garantir... caso você diga qe não conhece nenhum honesto, eu fui policial e nunca recebi propina, não precisei disso, e por MEUS méritos passei em um outro concurso que me remunera melhor e corro menos riscos. Sou servidora pública e não tenho necessidade de ficar me encostando em ninguém. Se precisar de alguma informação que seja útil a todos e eu souber informar estarei aqui, mas se no entanto se preferir continuar com esse pensamento escreva o que quiser somente referente a esses calhordas que citei que você se envolveu, não faça generalizações.

Hehehe, calma concordo em tudo o que você disse mais o que o Vadiu citou não é nenhum absurdo entendo seu lado, meu pai trabalhou na area de segurança publica a vida toda minha mãe também, ambos na Fundação Casa, antiga Febem.
Eles nunca cederam nunca cansaram nunca foram corruptos.

Mais todos nós sabemos que tem sim, existe sim.
Eu penso que a abordagem é como um coin você pode acertar um honesto ou não, agora se vai ser vantagem pra você
pegar um ou outro vai da situação.

:*


Ourinhos eee cidade boa!

Vadiu
23-03-2011, 22:05
Não apenas os policiais, mas sim todas as pessoas são corruptas por natureza, infelizmente está nos nossos genes e a exceção são os que mantém a ética (inventada pelo homem nos ultimos 3mil anos) à frente da sobrevivência ($= alimento, vestimenta e moradia; presente nos seres vivos há mais de 100milhões de anos).

O que acontece com os policiais, políticos e grandes tomadores de decisão é que eles tem mais acesso à tais oportunidades. A ocasião faz o ladrão.

Marcelo
24-03-2011, 10:32
Não apenas os policiais, mas sim todas as pessoas são corruptas por natureza, infelizmente está nos nossos genes e a exceção são os que mantém a ética (inventada pelo homem nos ultimos 3mil anos) à frente da sobrevivência ($= alimento, vestimenta e moradia; presente nos seres vivos há mais de 100milhões de anos).

O que acontece com os policiais, políticos e grandes tomadores de decisão é que eles tem mais acesso à tais oportunidades. A ocasião faz o ladrão.

Posso te falar com conhecimento de causa, pois trabalhei no serviço público num setor extremamente sujeito a corrupção. Nunca vi um caso de extorsão durante os três anos que trabalhei lá. Já vi um caso em que o cidadão tentou oferecer propina: resultado: denunciamos e a Polícia Federal chegou em 30 minutos para prender em flagrante.

Outra coisa: a maioria dos servidores trabalhava bem e bastante.

A história do servidor preguiçoso e corrupto está ficando no passado, felizmente. Se ainda existe, é porque o cidadão aproveita para se beneficiar com isso e não denuncia nunca.

O que paga a propina, na minha opinião, está no mesmo balaio.

Inoxidavel
24-03-2011, 11:44
O que paga propina, na minha opinião, é pior que quem recebe. Exemplo simples: todo o mundo reclama de cambista, mas se eles estão lá é porque tem muita gente comprando.

E Vadiu, não confunda corrupção com instinto de sobrevivência. Corrupção não pode ser inerente do ser humano, pois é um conceito inventado, assim como ética, bem e mal. Em situação de vida e morte (própria ou de alguém muito próximo) o instinto de sobrevivência (e proteção da prole, que não precisa ser exatamente a prole) fala mais alto.

Ética, bons costumes, leis, tudo isso foi criado para que o homem pudesse viver em sociedade,e tudo isso é questão de educação. Vá ao Canadá e deixe cair sua carteira no meio do shopping, garanto que quase 100% das vezes você vai encontrá-la. Se fizer isso no Brasil, isso já cai pra uns 50% no máximo (com mais chance de alguém ver caindo e te devolver). Se fizer no Marrocos a carteira vai embora antes de chegar no chão.

Essas teorias idiossincráticas dificilmente explicam completamente o comportamento humano. Uma vez li sobre uma experiência que colocava vários ratos em uma gaiola, com um suprimento bom de comida no centro, e vários pequenos suprimentos na periferia, mais do que suficiente para alimentar a todos. O que se observou foi uma alta concentração de ratos na região central, com diversas brigas entre eles, e poucos ratos na periferia, sem necessidade de violência. Tudo isso para sugerir que os grandes centros são violentos por natureza, como São Paulo, Nova York, Chicago, ... Só esqueçaram que em Tókio, um dos maiores centros, é possível andar na rua de madrugada sem medo de assaltado. Na Europa a regra costuma ser a mesma (tirando eventuais batedores de carteira, mas sem violência).

zerko
13-04-2011, 17:44
Galera, vou fazer 18 em dezembro (finalmente!), será que já rola dar entrada na carteira?

Amigos me falaram que até com 16 anos da pra tirar uma provisória, procede?

Cebola
14-04-2011, 16:07
Galera, vou fazer 18 em dezembro (finalmente!), será que já rola dar entrada na carteira?

Amigos me falaram que até com 16 anos da pra tirar uma provisória, procede?
pra dar entrada na carteira ja precisa ter 18 anos, eu tentei fazer as paradas um pouco antes mas nao deixaram

e nao existe essa de tirar provisória com 16, é lenda isso AHUHAUAH
vc tira com 18, fica com a permissao pra dirigir durante 1 ano e depois pega sua cnh...

SeriaL
14-04-2011, 16:38
Galera, vou fazer 18 em dezembro (finalmente!)...

Se eu fosse você comemorava muito, porque dos 19 para frente a contagem passa a ser regressiva... não é mais um ano de vida, é menos um... lol

SraTowers
21-06-2011, 10:29
Pessoal, estou passando nesse tópico para deixar uma dica básica, mas que faz toda a diferença na hora de negociar um veículo.
Faço comunicações de venda (muitas) diariamente, mas infelizmente aparecem também muitos problemas em relação a isso.

A comunicação da venda é um procedimento rápido que exime do vendedor de todas as cobranças e deveres para com o veículo, ou seja, multas, IPVA, licenciamento (que não tem como o comprador renovar sem fazer a transferência) - todos os tipos de cobrança, inclusive acidentes de trânsito depois da venda do bem.

Sempre que fizer uma negociação de venda do veículo preencha o recibo e tire uma cópia, uma xérox simples, faça um requerimento, citando o seu nome e documentos e os dados do comprador (todos que estiverem no verso do recibo - CRLV) leve ao Detran/Ciretran em uma cidade dentro do estado onde o veículo está registrado, por exemplo um veiculo da cidade de São Paulo pode ser bloqueado dentro de todo o estado de São Paulo (eu moro na divisa do estado do Paraná, e não existe como fazer a comunicação de venda de um veículo de lá, mesmo que o comprador seja de SP).

O recibo deverá estar preenchido com os dados do comprador e a assinatura (pelo menos) do vendedor, reconhecida por firma de autenticidade.

Sem o recibo assinado não há como fazer o bloqueio do veículo, e legalmente o vendedor tem que responder por todos os atos.

A extinção de culpa pelo vendedor é cessada somente no DIA QUE FOR FEITA A COMUNICAÇÃO DA VENDA, por isso, encaminhe o mais rápido possível o recibo.

Se a comunicação de venda não for feita, o vendedor responde solidariamente pelos atos do comprador (ou seja, se por exemplo, o comprador se embriaga e mata alguém, reponde o condutor e o proprietário)

Se alguém quiser dar uma olhado no Código de Trânsito a comunicação de venda está no artº 134


Art. 134. No caso de transferência de propriedade, o proprietário antigo deverá encaminhar ao órgão executivo de trânsito do Estado dentro de um prazo de trinta dias, cópia autenticada do comprovante de transferência de propriedade, devidamente assinado e datado, sob pena de ter que se responsabilizar solidariamente pelas penalidades impostas e suas reincidências até a data da comunicação.

(se a xérox for simples o requerimento com pedido da comunicação de venda deverá ter firma reconhecida)

No verso do recibo também existem algumas explicações sobre a comunicação da venda, que deve ser feita no máximo dentro de 30 dias (que é o prazo legal para o comprador fazer a transferência) no entanto, volto a lembrar, sem a comunicação, multas e cobranças dentro desse período também serão encaminhadas diretamente ao proprietário legal (o vendedor).

É uma situação um pouco chata, e algumas vezes complicada, que pode ser sanada com um ato simples.

Sem o recibo não existe outra forma de bloqueio pela Ciretran/Detran - somente poderá ser feito via Judicial (o que é complicado e demorado).

Então fica a dica pra quem for fazer negócios de compra e venda de veículos!! :happy34: