Decisões difíceis: quando pagar e quando desistir

0

Imagens de Bom Dia e Variadas (30)Ao longo da nossa vida de jogar poker passamos por milhares e milhares de situações onde precisamos tomar decisões frente a potes grandes. Se você estiver observando seus oponentes cuidadosamente enquanto jogam, verá que a maioria das vezes que eles têm uma mão muito boa eles vão apostar ou aumentar. Isso acontece independentemente do que os oponentes deles provavelmente têm ou pela forma como a mão foi jogada. Se você fizer isso também, o prejuízo no longo prazo será gigantesco. Então, como podemos fugir de uma mão grande em um pote grande?

Tenha direito a um incrível bônus de 1º depósito ao criar sua conta no Bodog Poker a partir de nossos links!

Exemplo vs jogador tight

A forma de jogar a mão e as readings que você tem do seu oponente são decisivas aqui. Tomemos um exemplo, seu oponente, que você sabe que é tight, começa aumentado e você tem certeza que ele tem um par alto.

Você acaba pagando e o flop lhe dá dois pares. Nesse momento você vê uma oportunidade de ganhar dinheiro e quebrar seu oponente. Em algum ponto do flop ou do turn, depois de você aumentar, ele aposta alto contra você. Você sabe, pelo decorrer do jogo, que ele deveria ficar cuidadoso devido a toda agressividade que você está mostrando. Porém, ele continua a inflar o pote. Esse é o ponto em que você deve colocar os pés no chão e admitir que, apesar da sua reading inicial, esse jogador não tem mais apenas um par alto. O pote é grande e agora parece que ele tem uma trinca. A maioria dos jogadores quebra a banca em situações assim, mas jogadores bons conseguem desistir da mão mesmo com o tanto de dinheiro no pote e mesmo sua mão sendo boa.

Muitas vezes, eu já estive com um flush alto ou um segundo nut flush em potes heads-up, contra jogadores que eu sei que não colocariam tantas fichas no pote a menos que tivessem a melhor mão. Poucos jogadores desistem de um segundo nut flush em um board sem pares. Na maioria das vezes essa é, de longe, a melhor mão. Porém, às vezes não é. Nessas situações é necessário ter muita coragem para desistir da mão na hora certa. Certa vez eu estava em uma mão contra uma mulher que seu companheiro tinha colocado para jogar para ele por um momento, ela estava com um stack grande. Então, eu fiz um flush com Rei alto e ela, que tinha jogado de forma tímida até agora, foi all in depois do meu aumento. Eu sabia que ela não tinha jogado muito bem até agora, mas seu aumento all in merecia respeito. Depois de pensar por um momento, a conclusão que cheguei foi que o homem disse a ela para apostar tudo depois de uma aposta alta sempre que ela tivesse o nuts. Eu desisti da mão e até hoje tenho certeza que tomei a decisão certa.

Bonus, cashback & freerolls – você encontra tudo isso e muito mais ao criar sua conta no PartyPoker a partir de nossos links!

Eu me lembro de desistir de sets no flop com um board dry apenas cinco vezes na minha vida. Eu estava errado em três das cinco. Se eu fosse um jogador melhor na época, talvez teria sido diferente. Raramente jogadores desistem de sets no flop a menos que tenham um tell muito confiável que mostre que eles estão atrás. Houve mais algumas vezes em que eu tive certeza que meu set estava perdendo mas peguei por seja lá qual razão for, e acabei pagando o preço para sets maiores. É necessário aprimorar seu jogo e estar disposto a desistir de mãos assim, por mais difícil que isso seja.

Uma mão que escuto frequentemente é quando alguém tem par de Reis e perde para par de Ases antes do flop.

POKER TEMPO (2)Os comentários geralmente são algo como “foi um cooler e você está certo em apostar tudo no par de Reis” ou “como desistir de par de Reis antes do flop?”. A resposta é que tem sim como desistir fácil algumas vezes, mas se torna difícil pois você esperou a noite toda por aquele par. A parte matemática pode surpreender alguns iniciantes, mas, das vezes que você recebe par de Reis, algo como 1 vez em 20 ou 25 dessas vezes você encontrará par de Ases pela frente. A princípio parece que você sempre deve estar disposto a ir all in com seu par de Reis antes do flop. Errado! Você precisa usar as informações que têm à disposição para tomar essa decisão. Por exemplo, contra um jogador muito tight que raramente aplica re-raises grandes e agora foi all in contra você, o melhor talvez seja desistir dos Reis. A matemática anterior vai pelo ralo depois dessa jogada do seu oponente, que agora se torna o fator a se levar em consideração na tomada de decisão.

Você sabia que ao criar sua conta no 888Poker a partir de nossos links você ganha um ótimo bônus e ainda pode jogar nossos exclusivos torneios gratuitos (freerolls) semanais?

Já que você recebe Reis mais ou menos uma vez por dia, situações como essa acontecem mais ou menos uma vez por mês. Com sorte, a maioria dos jogadores deixa transparecer alguma dica quando têm Ases depois de um aumento ou dois. Poucos jogadores de Live comprometem muito do seu stack com algo menor que par de Damas. Então, quando eles movem uma quantidade grande de seu stack para o pote, a probabilidade de par de Ases é muito grande.

Conforme um jogador consegue melhorar seu jogo e se controlar melhor, ele aprende a fazer folds difíceis à medida que novas informações mostrem que sua mão é ruim. Flushs altos, straights e até mesmo full houses perdem muitas mãos. Saber perceber os momentos em que você perderá dinheiro se fizer o call é tremendamente lucrativo para seu jogo. O oposto de um fold difícil é um call difícil quando parece que você está perdendo. Você pensa da mesma forma e busca informações que levam você a acreditar que tem uma chance de ganhar o pote, mas que provavelmente não vai. Então, por que pagar quando você acha que vai perder a mão?

Pot odds fazem você pagar algumas vezes em que você não gosta da sua mão. O que você deve fazer é se perguntar, você tem mais odds para pagar do que você pensa que suas chances de ganhar são? Por exemplo, em jogos Limit, se apostarem contra você no final e você tiver odds 8 para 1 para pagar, você deve pagar se achar que ganhará a mão mais do que 1 vez de 9 vezes que a situação se repetir. Em No-Limit, frequentemente alguém aposta o tamanho do pote no final da mão, te dando odds de 2 para 1 para pagar. Se você acha que ganha a mão um terço ou mais das vezes, o call é correto. Se você seguir essas dicas, poderá usar a matemática a seu favor na tomada de decisões difíceis.

Pensar que essas mãos grandes podem perder melhora seu jogo como um todo, além de economizar algum dinheiro. Já que você ganha uma porcentagem alta das vezes com mãos muito boas, isso reforça a ideia de levar todas as mãos boas ao limite e que isso terá uma consequência positiva. Conseguir identificar as situações onde você perderá sem dúvida fará seu jogo decolar.

Conclusão

Dominar essas difíceis tomadas de decisão fará de você um melhor jogador e um vencedor no jogo. E com esperança, fará de você também um expert em tomar decisões difíceis na vida, que melhorem as chances de coisas boas acontecerem para o melhor.

Autor: Ray Zee

Traduzido e adaptado de: Making Tough Folds and Tough Calls

DEIXE UMA RESPOSTA